O Mau Hálito É Um Sintoma – Descubra Suas Causas

Halitose

Os brasileiros estão cuidando cada vez mais da saúde bucal, no entanto existe um problema que, mais cedo ou tarde, atinge a todos: o mau hálito. Mas você sabia que existem inúmeras causas para esse incômodo? Então fique atento, pois conhece-las é um passo essencial para se livrar do famoso “bafo”.

Formalmente, o mau hálito é conhecido como halitose e pode ser um sinal de descuido com a escovação dos dentes, isso ocorre porque os motivos mais recorrentes para o surgimento da halitose são os restos de alimentos que ficam presos entre os dentes ou mesmo partículas menores que se acumulam na superfície da língua. Com o tempo, as bactérias presentes em nossa boca realizam a quebra dessas substâncias, o que acaba liberando um cheiro forte.

Outros fatores para que isso aconteça são as cáries, feridas na boca causadas por cirurgias, extração de dentes ou infecções e até mesmo a placa bacteriana pode ser responsável pelo mau hálito quando ocorre o seu acúmulo por falta de higiene bucal.

É importante apontar que nossa saliva possui um grande papel no combate ao mau hálito, já que ela consegue remover diversas partículas de alimentos que se acumulam em nossa boca após as refeições. Por isso, o risco de se desenvolver a halitose é maior entre as pessoas que têm boca seca. Esse problema pode ser causado por substâncias presentes no cigarro, em alguns remédios e também por conta do estresse diário.

 

E QUANDO O MAU HÁLITO NÃO VEM DA BOCA

 

Nem sempre a halitose é causada por fatores que estão dentro da boca. A nossa dieta também pode contribuir e muito para que esse problema se desenvolva. Pesquisas mostraram que pessoas que possuem uma alimentação rica de açúcares e proteínas tem mais propensão a sofrerem com o mau hálito. Outros alimentos que também contribuem para isso são aqueles que possuem odores muito fortes como alho e cebola. Porém, não é só a alimentação que pode acarretar o mau hálito, períodos longos de jejum e a má alimentação também estão entre os causadores da halitose.

Além disso, segundo a Associação Brasileira de Estudos e Pesquisas dos Odores da Boca (ABPO), o mau hálito também pode ser um sintoma para outros problemas de saúde como diabetes, prisão de ventre, rinite e diversos outras doenças que atingem o nosso sistema respiratório.

 

SE LIVRE DO “BAFO”

 

Para vencer o mau hálito, a higiene bucal adequada e regular é extremamente necessária. Esse comportamento evitará que restos de alimentos se acumulem em sua boca e impedirá o aumento da placa bacteriana, evitando doenças como a cárie. Escove bem a língua e faça uso de fios dentais e enxaguantes bucais sem álcool. Para saber mais sobre os cuidados adequados com a boca, você deve ler o artigo Como Você Escova os Seus Dentes?

Uma boa alimentação rica em alimentos fibrosos também auxilia no combate a este sintoma, além disso, gomas de mascar sem açúcar podem ser bons estimulantes para o aumento da produção de saliva, fator que pode auxiliar na erradicação da halitose. Evitar o fumo e as bebidas alcoólicas também contribui para um hálito fresco.

Caso o sintoma persista, é aconselhável a consulta ao dentista. Ele será capaz de oferecer um diagnóstico mais completo, além de esclarecer quais são as reais causas do mau hálito e, a partir disso, oferecer tratamentos mais eficazes. Caso você precise de aconselhamento odontológico ou deseja fazer uma consulta, entre em contato com a Maxsorriso e passe a sorrir sem medo!

Share:

Comments 1

Add Comment
  • Gostei do seu artigo. Quer se livrar de vez do mau hálito? Clica no meu nome e saiba mais.

Deixe uma resposta